Moedas antigas e raras, moeda valiosa e de 1 real

Quais as características da moeda de 1 Real na primeira e segunda família? O que são moedas antigas e raras? Quais são as moedas são mais valiosas? Veja as nossas respostas aqui.

Página Inicial

O que são moedas antigas?

Moedas antigas podem ter duplo sentido. Primeiro, elas podem significar moedas de países que foram adotadas no passado e hoje não são mais usadas. Um exemplo disso é o Cruzeiro, Cruzado e Réis, todas foram moedas do Brasil. Segundo pode significar moedas como espécie de algum desses dinheiros antigos, por exemplo moedas de Réis, de Cruzeiro, entre outras.

Veja aqui exemplos de moedas antigas.

O que são moedas raras?

As moedas raras são espécies antigas e que por alguma razão existem poucas unidades das mesmas, talvez porque sejam antigas demais ou por ter sido de uma edição limitada, como moedas comemorativas de algum evento ou data importante.

Veja aqui exemplos de moedas raras

Quais moedas são mais valiosas?

Também pode ter duplo sentido ou até triplo. Uma primeira definição aponta certamente as moedas raras, estas por existirem muito poucas acabam sendo as mais desejadas e por conseguinte as mais caras. Segundo pode se referir espécies de moedas em circulação com valor monetário mais alto em relação ao Real. Neste caso, creio que a moeda de 1 Euro seja a mais valiosa (algo em torno de R$ 5,50). Terceiro, pode-se fazer referência a moeda de país com maior valor, neste caso o Euro e o Dólar seriam as mais valiosas no momento.

Bonus: Uma quarta definição pode ser aplicada ao tipo de material em que a moeda foi feita, como ouro, prata, bronze, entre outros.

Quais as características da moeda de 1 Real?

A primeira moeda de R$ 1,00 foi feita de aço inoxidável e ela saiu de circulação em 23 de dezembro de 2013, ela fazia parte da chamada 1ª família de moedas do Real. De um lado ela tinha à direita, a efígie representativa da República, ladeada por representação estilizada de ramo de louros. Na parte inferior, a inscrição “BRASIL”. Do outro lado, a inscrição indicativa de valor, ladeada por ramos de louros. Abaixo, os dísticos “Real” e o correspondente ao ano de cunhagem.

Veja exemplos da moeda de R$ 1,00 de aço inoxidável

Na segunda família de moedas do Real, a moeda de R$ 1,00 é feita de aço inoxidável (núcleo) e aço revestido de bronze (anel). Tem de um lado a Efígie da República à direita do núcleo prateado (disco interno) e transpassando para o anel dourado (disco externo), assim posicionada constitui um dos elementos de segurança da moeda de maior denominação. No anel dourado, referência às raízes étnicas brasileiras, representada pelo grafismo encontrado em cerâmicas indígenas de origem marajoara, e a legenda “Brasil”.

Do outro lado, no anel dourado, a repetição do grafismo indígena marajoara. No núcleo prateado, esfera sobreposta por uma faixa de júbilo, que, com a constelação do Cruzeiro do Sul, faz alusão ao Pavilhão Nacional, e os dísticos correspondentes ao valor facial e ao ano de cunhagem.

Veja exemplos da moeda de R$ 1,00 revestida de bronze

Veja aqui outras informações sobre as moedas no site do Banco Central do Brasil: http://www.bcb.gov.br/pt-br/#!/n/cedmoed



 

Veja também

 


© 2017   |   FAQ: Perguntas e Respostas Frequentes