Reciclagem de pneus, tipos de pneus, recauchutagem e outros

Perguntas e respostas sobre reciclagem de pneus. Há uma estimativa sobre quantos pneus são usados hoje em dia? O que é recauchutagem de pneus? Veja as respostas aqui

Página Inicial

Como é o processo de reciclagem de pneus?

Para a reciclagem de pneus é necessário que a borracha vulcanizada seja separada de outros componentes. Os pneus são fatiados em lascas e purificados por um sistema de peneiras. Depois os pedaços são moídos e submetidos a uma digestão em vapor d’água e produtos como álcalis e óleos minerais, para que a borracha possa ser vulcanizada. O resultado pode ser refinado em moinhos até que se transforme em uma manta uniforme ou extrudada, virando grânulos de borracha.

Existem outros tipos de pneus?

Os pneus podem ser divididos entre radiais e os diagonais, onde os pneus radiais possuem uma estrutura interna de aço. Enquanto os diagonais possuem em sua estrutura interna tecidos.

Há uma estimativa sobre quantos pneus são usados hoje em dia?

De acordo com organizações internacionais, dois milhões de pneus novos são produzidos por dia, enquanto o descarte de pneus velhos gira em torno de 800 milhões de unidades por ano no mundo. No Brasil um mecanismo bastante usado para o reaproveitamento é a recauchutagem de pneus.

O que é recauchutagem de pneus?

A recauchutagem é a reconstrução de pneus onde se aproveita a estrutura resistente do pneu usado. São incorporadas novas camadas de borracha de piso no pneu gasto o que aumenta em 100% a vida útil do item, além de diminuir o descarte de pneus economizando cerca de 80% de energia e matéria-prima.

Quais são as outras funcionalidades para a reciclagem de pneus?

Além da recauchutagem os pneus velhos podem ser usados para outras funcionalidades, como o uso da sua carcaça. Na engenharia civil é comum usar as carcaças de pneus para barreira em acostamentos de estradas, no auxílio para construção de parques e playground, obstáculos para o trânsito, entre outras.

Além do uso da carcaça para engenharia civil, a borracha do pneu pode ser usada como material de asfalto, neste caso a borracha é incorporada em pedaços ou em pó.

Os pneus também podem ser usados como uma fonte de energia renovável. A potência calórica que as raspas de um pneu tem podem ser comparadas com a do óleo combustível, chegando a 40 Mej/kg, superando o poder calórico da madeira que é em torno de 14 Mej/kg.



 

Veja também

 


© 2017   |   FAQ: Perguntas e Respostas Frequentes